Para quem não conseguiu vaga na palestra deste mês, trazemos o Châteauneuf-du-Pape, o vin du pape! – 2ª edição. A professora Ana Maria Gazzola fará uma nova apresentação, no próximo dia 03 de agosto, transmitida através da plataforma ZOOM.

O VINHO DO PAPA

Era uma vez… um papa que gostava tanto de vinho que mandou construir um novo castelo de verão no meio dos vinhedos. Antes, outro papa já havia mudado a residência papal de Roma, na Itália, para Avignon, na França. Os melhores vinhos da região abasteciam a nova sede do Papado, o que fez prosperar e dar nome à mais famosa e prestigiada região vitivinícola do sul do Rhône: a AOC/AOP Châteauneuf-du-Pape! Essa é apenas uma das histórias que fez a fama da região, o que permanece até hoje, e fez aumentar não só o preço dos vinhos como também a cobiça, fazendo parte do imaginário dos amantes da bebida terem degustado um excelente Châteauneuf-du-Pape em seu currículo.

Os detalhes dessa e de outras histórias sobre os Châteauneuf-du-Pape, suas uvas, solo, clima, paisagens e ruínas, os principais produtores e outras curiosidades exóticas serão contadas por Ana Maria Gazzola, que conduzirá a degustação de quatro vinhos representativos desse terroir, selecionados com base na qualidade. Como outros famosos da França (Bordeaux, Borgonha etc.), seus rótulos têm preços que variam muito, inflacionados pela fama, produtores, demanda, tradição etc.

Essa é a primeira AOC (Appellation d’Origine Contrôlée) da França a ter sua área delimitada e regras restritivas para elaboração de seus típicos vinhos. É também a que apresenta a maior liberdade em usar suas 18 uvas autorizadas para vinificação de brancos e tintos, fazendo, assim, vinhos complexos, atraentes e diferenciados entre si e de outros terroirs do país.

Desde que Robert Parker começou a descrever e elogiar os Châteauneuf-du-Pape, no final da década de 1980, eles, que ainda eram pouco afamados fora da região de origem, começaram a ser valorizados e exportados para o mundo inteiro, com seus preços quintuplicando. Aqui chegavam os Châteauneuf-du-Pape mais variados, dos piores a alguns muito bons. Por ser francês, os brasileiros os supervalorizavam, mesmo aqueles bem fraquinhos. Segundo um crítico de vinhos, a França produz os melhores vinhos do mundo e os piores vinhos do mundo, e nesta faixa temos também os Châteauneufs.

“Os bons Châteauneuf-du-Pape não são para iniciantes”, segundo outro crítico: “são vinhos que precisam de um degustador experimentado, para o apreciar e principalmente o avaliar.” Será que ele tem razão? Não que o iniciante não o possa degustar, ao contrário, deve começar a provar com a orientação de um monitor. Encorpados, potentes, intensos, sedutores… são alguns dos adjetivos usados pelos críticos mais respeitados que os avaliam, lógico, os melhores, entre os que iremos provar.

Esta AOP acompanha a igreja desde sempre, não à toa seus vinhos são chamados de Novo Castelo do Papa: Châteauneuf-du-Pape!

Será que o papa Francisco toma este vinho, ou só os Malbec da Argentina?

Esses vinhos, em geral de guarda, costumam conciliar, num equilíbrio sem igual, a fruta madura, a presença de acidez e seus taninos com a típica rusticidade que o clima quente da região impõe às vinhas. Assim, os poderosos Châteauneuf-du-Pape nos abençoam com vinhos volumosos, de aromas frutados, florais e defumados deliciosos, que se mesclam com grande complexidade e maciez, com um intenso e longo final prazeroso.

Neste evento, se você já os conhece bem, não perca a oportunidade de comparar vinhos de ótimos e excelentes produtores desta denominação, numa mesma prova. E se ainda não os conhece, esta será uma entrada triunfal, ou melhor, “papal” para os conhecer.

DEGUSTAÇÃO CHÂTEAUNEUF-DU-PAPE, O VIN DU PAPE! – 2ª EDIÇÃO                           

Além de apresentar o conteúdo teórico de Châteauneuf-du-Pape, o vin du pape! – 2ª edição, Ana Maria Gazzola guiará os alunos na degustação de quatro vinhos. Veja a seleção com seus respectivos preços de mercado:

Châteauneuf-du-Pape Blanc Font de Michelle 2016 – Branco – Domaine Font de Michelle – Vale do Rhône – França – R$ 683,52

Châteauneuf-du-Pape Clos du Calvaire 2018 – Tinto – Vignobles Mayard – Vale do Rhône – França – R$ 464,00

Châteauneuf-du-Pape Cuvée Anonyme 2017 – Tinto – Produtor: Xavier  Vignon – Vale do Rhône – França – R$ 695,00

Clos Des Papes Châteauneuf-du-Pape 2012 – Tinto – Clos Des Papes – Vale do Rhône – França – R$ 1.993,92

Os vinhos serão fracionados em garrafinhas vidro de 60 ml cada, e enviados para os endereços dos participantes. Para o Rio de Janeiro, Niterói e Baixada Fluminense a entrega é gratuita; para outras localidades, é necessário consultar as condições do frete.

O evento inclui uma apostila em formato PDF, assim como apresentações em PowerPoint para os alunos acompanharem as aulas em tempo real, de forma interativa. A inscrição, já com as doses dos vinhos  inclusas, tem o valor de R$ 307,00 para associados ABS-Rio ativos, e R$ 369,00 para não associados, e pode ser parcelada no cartão.

Para os que estão fora da cidade do Rio e/ou não puderem participar da degustação, oferecemos a opção sem vinho, com inscrição a R$ 65,00  para associados da ABS-Rio, e R$ 78,00 para não associados.

ANOTE EM SUA AGENDA

Dias: 03 de agosto de 2021, terça-feira
Hora: 19h30 às 21h00
Onde: ZOOM (o link de acesso será enviado após a inscrição).
Preços:

SEM VINHO
R$ 65,00 para associados e R$ 78,00 para não associados.
Inclui: acesso à gravação do evento, por 30 dias + apresentação em PDF.

COM VINHO
R$ 307,00 para associados ABS-Rio ativos e R$ 369,00 para não associados, parcelados em duas vezes.
Inclui: acesso à gravação do evento, por 30 dias + apresentação em PDF + kit com os quatro vinhos em garrafinhas de vidro, de 60 ml, cada, devidamente embaladas em plástico bolha e isopor, entregue no endereço do aluno.

Política de Frete: gratuito para o Rio de Janeiro, Niterói e Baixada Fluminense; para outras localidades, é necessário consultar as condições para entrega.
Vagas: Limitadas a 35 participantes.

Data/início
3 de agosto de 2021
Hora
19h30
Local
ONLINE
Preço
R$ 65,00 — R$ 369,00

Siga ABS-Rio:
https://www.instagram.com/abs_rj
https://www.facebook.com/absrio.oficial
Visite nosso canal no YouTube